Pesquise no Site

Boletim Sustentável

Preencha seu e-mail abaixo para receber nossa newsletter:

Recicle!

.

.

Pesquisa revela perfil e hábitos dos gamers brasileiros
Pesquisa revela perfil e hábitos dos gamers brasileiros

Uma pesquisa inédita encomendada pela Brasil Game Show (BGS), a maior feira de games da América Latina, para o Instituto Datafolha revela o perfil e os hábitos dos gamers brasileiros.

Os resultados mostram, por exemplo, que 44% dos entrevistados jogam todos os dias da semana e 93% consomem vídeos sobre games na internet mensalmente.

 
Honda mostra novas imagens do seu novo carro elétrico

Honda mostra novas imagens do seu novo carro elétrico

A Honda mostrou mais imagens de seu novo carro elétrico. Ele será chamado simplesmente de “e”, e tem lançamento previsto para o final deste ano.

O Honda e foi criado sobre uma plataforma desenvolvida especialmente para veículos elétricos. Segundo a marca, a potência é de 150 cv, com torque acima de 31 kgfm – números respeitáveis para um veículo compacto.

A autonomia é de 200 km, e reforça a proposta urbana do modelo, assim como o reduzido diâmetro de giro de 8,6 metros. Ainda não há números de desempenho, mas a Honda promete até um modo esportivo. A distribuição de peso é de 50% para cada eixo.

 
Primeiro carro elétrico de grande autonomia chega à Índia

Primeiro carro elétrico de grande autonomia chega à Índia

Indianos já podem dirigir um carro elétrico de grande autonomia, no país onde ficam algumas das cidades mais poluídas do mundo. A fabricante de automóveis sul-coreana Hyundai começou a comercializar seu modelo Kona, capaz de percorrer 450 km em apenas uma carga, que custa cerca de US$ 36 mil (mais ou menos R$ 135 mil).

A autonomia da bateria do Kona compensaria um dos mais graves problemas para os clientes indianos - a escassez de postos de recarga. explicou o gerente-geral da Hyundai Motors na Índia, Seon Seob Kim, citado pela agência de imprensa local Press Trust of India.

 
Patinete elétrico e a polêmica sobre sustentabilidade ambiental

Patinete elétrico e a polêmica sobre sustentabilidade ambiental

O patinete elétrico vai substituir o carro? São ecológicos em sua fabricação e ciclo de vida? Este meio de transporte que vai sendo cada vez mais usado em várias capitais mundiais ainda tem muito a responder e a provar.

- Zero emissão -

Uma de suas grandes operadoras, a americana Bird, "foi fundada para contribuir para criar um mundo mais limpo e hospitaleiro, no qual o indivíduo é prioritário em relação ao automóvel", diz a empresa.

O patinete - alega a companhia - "estimula as alternativas ao automóvel, reduz o tráfego, melhora a qualidade do ar".

 
Fabricantes apostam na mobilidade de scooters e patinetes elétricos

Fabricantes apostam na mobilidade de scooters e patinetes elétricos

A busca por mobilidade passa, necessariamente, pelos veículos de duas rodas. Sejam motos, scooters, bicicletas ou patinetes, esses veículos aparecem como uma opção para se locomover nos grandes centros urbanos. Afinal, ocupam menos espaço e permitem que seus usuários se locomovam de forma rápida e econômica. Melhor ainda se forem elétricos e não poluírem o meio-ambiente.

Tanto que não somente fabricantes de motocicletas - como a Ducati, que em parceria com a Vmoto lança uma edição especial do scooter elétrico CUx, o CUx Special Edition Ducati - algumas marcas de automóveis estão apostando nesse nicho.

 
BYD: maior fabricante de carros elétricos em nada se parece com a Tesla

BYD: maior fabricante de carros elétricos em nada se parece com a Tesla

No chão de uma fábrica cavernosa no sul da China, dezenas de carros inacabados, pintados recentemente nas cores vermelha cereja ou prata escura, permaneciam suspensos a 1,8 metro acima de um chão de concreto imaculado. Seus motores haviam sido instalados alguns momentos antes, mas os carros ainda não estavam prontos. Enquanto desciam a linha de montagem, um robô se posicionou sob cada chassi. O robô carregava uma carga crucial: uma bateria do tamanho e da forma de um colchão duplo, envolta em plástico cinza. De repente, um elevador a inseriu no carro. Trabalhadores vestindo macacões azuis e luvas brancas de algodão moviam-se rapidamente para as bordas da bateria, carregando pistolas de rebite conectadas por cabos vermelhos. Uma vez que a bateria foi colocada no lugar, o robô se deslocou em busca da próxima carga.

 
SP inicia fiscalização com 557 patinetes apreendidos; empresas vão à Justiça

SP inicia fiscalização com 557 patinetes apreendidos; empresas vão à Justiça

No primeiro dia de fiscalização das normas para uso de patinetes elétricos em São Paulo, as discussões sobre a circulação desses veículos na calçada e o uso de capacetes ficaram de lado. A Prefeitura argumentou que Grin e Yellow, as principais empresas do ramo, não estavam cadastradas para operar na cidade e, por isso tiveram os seus patinetes confiscados. Ao todo, 38 agentes municipais confiscaram os patinetes que viram estacionados nas ruas e o dia terminou com 557 veículos apreendidos.

A Grow, empresa que controla as empresas Grin e Yellow, argumenta que o serviço que ela presta é de locação de bens móveis, atividade econômica regida pelo Código Civil – que não precisa de cadastramento municipal. A empresa questiona diversos pontos do decreto do prefeito Bruno Covas (PSDB), que seriam diferentes de regras do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), e informou ter procurado a Justiça para reverter a legislação publicada há duas semanas e também as apreensões ontem.

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Página 1 de 265